Por que não pode levar Samsung Galaxy Note 7 no avião?

Ao levar o seu Samsung Galaxy Note 7 no avião, muitas pessoas são surpreendidas ao serem barradas.

Anúncios

Existem alguns fatores relacionados com este dispositivo que o impedem de serlevado durante um voo.

Portanto, confira a seguir os motivos pelo qual o Samsung Galaxy Note 7 não pode ser levado no avião!

Samsung Galaxy Note 7 é proibido em aviões

As principais companhias aéreas que atuam no Brasil, Gol, Latam e Azul, começaram a proibir o embarque de passageiros com smartphones Samsung Note 7 no avião.

Os aparelhos em questão também não podem ser despachados junto com a bagagem. A medida foi aplicada pelas companhias após o aparelho apresentar problemas na bateria.

Anúncios

Desde que o aparelho foi lançado no país, há quase 10 anos atrás, a Samsung vem sofrendo reveses.

Com isso, a fabricante se viu obrigada a convocar um recall em escala mundial de 2,5 milhões de unidades em 2016 na tentativa de reverter a situação.

No entanto, ainda assim, os usuários continuam tendo seus aparelhos proibidos nos aviões devido aos frequentes relatos de explosões.

Em um dos casos de problemas com o Samsung Galaxy Note 7 no avião, o aparelho estava no bolso da calça da passageira e começou a pegar fogo. Diante disso, a nave precisou ser evacuada.

O ocorrido se deu nos Estados Unidos e, a partir disso, o governo local passou a considerar crime federal o embarque em aviões do país com o dispositivo da Samsung.

Quando os aparelhos eletrônicos devem ser despachados?

Após ser detectado o risco de explosão do Samsung Galaxy Note 7 no avião, as companhias aéreas estabeleceram novas regras.

É importante enfatizar que viajar com aparelhos eletrônicos no avião é permitido. Contudo, existem algumas regras a serem seguidas e alguns dispositivos podem ser proibidos no embarque.

Desde 2014, ficou estabelecido que os aparelhos eletrônicos com baterias descarregadas não podem embarcar e os agentes de segurança devem solicitar que o passageiro ligue os aparelhos para que seja feita a conferência.

De acordo com as regras da FAA (Federal Administration Aviation), além do aparelho da Samsung, também não é permitido embarcar com MacBooks Pro de 15 polegadas que tenham sido fabricados entre setembro de 2015 e fevereiro de 2017.

Isso ocorre porque a Apple detectou o risco de explosão na bateria de alguns dispositivos.

Além dessas exceções, existem ainda outros aparelhos eletrônicos que precisam ser despachados na bagagem do avião;

Essa regra é aplicada até mesmo para dispositivos que devem ser levados, preferencialmente, junto ao passageiro na cabine, como notebooks, celulares e câmeras fotográficas.

Logo, esses itens específicos devem ser despachados exclusivamente caso estejam sem bateria ou com a bateria descarregada.

Samsung Galaxy Note 7 no avião: Outros objetos que não podem ser levados

Por motivos de segurança, alguns itens são proibidos no transporte aéreo. Existem ainda outros que podem ser transportados somente na bagagem despachada e não podem ser levados na bagagem de mão.

As normas para o transporte de diferentes itens podem variar a depender da companhia aérea e do país de destino.

Dessa forma, os principais objetos proibidos são os seguintes:

  • Explosivos: detonadores, pistola de sinalização, cargas explosivas de uso militar, artigos de pirotecnia, dinamite, explosivos de plástico, aerossóis de fumaça, pistola de sinalização;
  • Sólidos inflamáveis e substâncias reativas: sólidos inflamáveis como fósforos, filmes de celulóide, ignitores de fogos de artifício, magnésio e carvão;
  • Oxidantes e peróxidos orgânicos: kits de reparação de carrocerias, alvejante, adubos e cloretos;
  • Material radioativo: produtos farmacêuticos com isótopos radioativos;
  • Substâncias tóxicas ou infecciosas: dispositivos incapacitantes, raticidas, amostras para diagnóstico, venenos, inseticidas, vacinas, pesticidas, herbicidas, arsênio, bactérias e sangue infeccionado;
  • Pilhas e baterias de lítio e cigarros eletrônicos: pilhas e baterias de lítio, cigarros eletrônicos, kits de primeiro socorros, material ferromagnético, gelo seco e baterias de carro;
  • Maletas e sacos de segurança: equipamentos de segurança, como arquivadores, caixas forte e sacos de dinheiro que tenham baterias de lítio ou material pirotécnico;
  • Objetos perigosos variados: motores combustíveis, organismos modificados geneticamente e material magnetizado;
  • Armas: armas de fogo e objetos pontiagudos ou com arestas;
  • Ferramentas: é permitido transportar somente ferramentas de trabalho, como furadores, martelos e alavancas.

Conclusão

O embarque do Samsung Galaxy Note 7 no avião pode trazer algumas consequências devido ao risco de explosão. Logo, antes de viajar é necessário verificar se o seus aparelhos eletrônicos não são proibidos pela companhia aérea.

É preciso também estar atento aos demais objetos que são proibidos de serem transportados nos voos pelas companhias aéreas para ter uma viagem tranquila.

A Azul, por exemplo, possui um blog onde ressalta quais itens são proibidos no embarque.